Ir para o conteúdo

Prefeitura de Alto Alegre e os cookies: nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
ACEITAR
PERSONALIZAR
Política de Cookies e Privacidade
Personalize as suas preferências de cookies.

Clique aqui e consulte nossas políticas.
Cookies necessários
Cookies de estatísticas
SALVAR
Prefeitura de Alto Alegre
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
FEV
18
18 FEV 2013
Conselho Tutelar de Alto Alegre está em nova sede
enviar para um amigo
receba notícias

A Prefeitura de Alto Alegre disponibilizou, no início do mês, uma nova sede para o Conselho Tutelar do Município para atender com mais dignidade a comunidade. Na oportunidade, acompanhada pelo Presidente da Câmara, Adilson Patrocínio dos Santos; do Promotor de Justiça da Infância e Juventude, Adelmo de Pinho, Conselheiros e munícipes, a Prefeita Helena Berto Tomazini Sorroche anunciou a conquista de um kit de equipamentos que irão reforçar a infraestrutura e a atuação do Conselho Tutelar da cidade, incluindo um automóvel, computadores, impressora, refrigerador e um bebedouro.

“Estamos disponibilizando uma estrutura que a cidade ainda não tinha e usando um prédio (Centro Comunitário) no Conjunto Habitacional Nova Alto Alegre pouco usado pela comunidade”, disse a Prefeita, ao explicar que os moradores daquela região tinham outros locais para a realização de atividades comunitárias. Sob a coordenação de Marlene Garcia Ferreira e mais quatro conselheiros, o novo prédio (na José Gomes da Pena, 129) trará comodidade e discrição no atendimento.

Um estudo da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República (SDH/PR) revelou que as deficiências dos Conselhos Tutelares vão muito além das dificuldades de locomoção dos conselheiros em diligências. Falta aos conselhos a infraestrutura básica para atendimento à população. Sendo assim, a Prefeita Helena Berto buscou junto ao Governo Federal apoio para que o conselho local recebesse um kit de equipamentos para equipar o prédio disponibilizado para esse fim. “Estamos muito satisfeitos, pois esse kit só reforçará a atuação do nosso Conselho que já luta bastante em defesa dos direitos das nossas crianças e adolescentes”, declarou Helena Berto, informando que aproveitou a iniciativa da Secretaria de Direitos Humanos de financiar a melhoria física dos conselhos tutelares e ajudar a qualificar os seus conselheiros.

Ao atuar para que a cidade tenha um Conselho atuante, com estrutura adequada e pessoal capacitado para atender a demanda existente, Helena Berto destacou que cumpre o artigo 132 do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), que define como obrigação de todos os municípios, mediante lei e independente do número de habitantes, criar, instalar e ter em funcionamento, no mínimo, um Conselho Tutelar como órgão da administração pública municipal.

Seta
Versão do Sistema: 3.4.0 - 05/02/2024
Copyright Instar - 2006-2024. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia